Conecte com a gente

Viagem

Descubra os encantos do Arquipélago das Berlengas, em Portugal

Publicado

em

A menos de 100 quilômetros de Lisboa fica um importante destino litorâneo de Portugal: Peniche. A cidade conta com inúmeras praias ótimas, que atraem não apenas banhistas que aproveitam o sol, a areia e o mar, mas principalmente surfistas, já que as ondas por ali são propícias para o esporte. Mas, a partir de Peniche, é possível chegar a um destino ainda mais incrível do país, o Arquipélago das Berlengas.

Basta um passeio de trinta minutos de barco para chegar à principal ilha, a Berlenga Grande, e a paisagem é tão deslumbrante que mal se vê o tempo passar, ainda mais quando o dia está ensolarado.

Influenciadas pelos climas Mediterrâneo e Atlântico, as Berlengas têm fauna e flora únicas no mundo, o que levou o arquipélago a ser transformado em uma Reserva Natural. Por isso, ele é um refúgio muito exclusivo e tranquilo da costa portuguesa, com um limite de visitantes diários. Além disso, as visitas são realizadas apenas entre maio e setembro, nos meses mais quentes do ano.

Embora seja a maior ilha do arquipélago, a Berlenga Grande é, na verdade, pequena, com 1.500 metros de comprimento e 800 de largura. Basicamente, é possível dar uma volta nela caminhando em cerca de uma hora. Mas há muito o que ver e fazer por lá, a começar pela praia de areia dourada, onde vale a pena passar o dia aproveitando o sol e o mar muito verde e cristalino.

A reserva é um ótimo lugar para o mergulho, já que a vida marinha é extremamente rica, com diversas espécies de peixes multicoloridos. Além disso, há vários navios naufragados nos arredores da ilha, que garantem um cenário incrível para a prática.

Outra atividade popular é a exploração das grutas que existem por lá, que são acessíveis pelo mar. A mais famosa é chamada de Furado Grande, e ela atravessa praticamente toda a ilha. A Cova do Sonho também é muito amada pelos turistas, assim como Furado Pequeno, que só pode ser visitada quando a maré está baixa.

Também é possível fazer trilhas pela ilha ou passeios de barco para observar golfinhos e baleias, que nadam livremente nesta região.

Duas construções chamam a atenção no destino. A primeira é o Forte de São João Baptista, construído para defender o território português de ataques inimigos no século 17. Sua estrutura imponente rodeada pelo mar de cor vívida é uma belíssima vista. A segunda é o Farol das Berlengas, que tem 29 metros de altura. Foi construído em 1840 e funciona até hoje, mas desde 2001 utiliza apenas energia solar.

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Viagem

Construções históricas de Morro de São Paulo serão tombadas

Publicado

em

Nesta segunda-feira, 23, às 10h30, acontece a cerimônia de transferência da administração da Fortaleza de Morro de São Paulo da Secretaria de Turismo (Setur-Ba) para o Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (Ipac). Na oportunidade, também será realizada a Assinatura do Termo de Tombamento Provisório do perímetro que abrange o farol, gameleira, porta ló, praça, igreja de Nossa Senhora da Luz e a própria fortaleza.

“Estas construções são registros da história da Bahia, que trazem em si uma grande riqueza simbólica e arquitetônica. Cuidar deste patrimônio é de grande interesse para o Governo do Estado, que vem se dedicando a potencializar ainda mais a movimentação turística e a dinamização cultural da região”, afirma a Secretária de Cultura, Arany Santana.

A área a ser tombada pelo Ipac, autarquia vinculada à Secretaria de Cultura do Estado (SecultBa), contempla edificações históricas de Morro de São Paulo, localidade pertencente ao município de Cairú e um dos destinos turísticos mais visitados da Costa do Dendê. “O tombamento valoriza os atrativos de Morro de São Paulo, cuja história e características naturais atraem visitantes do mundo inteiro e chama atenção para a necessidade de preservação”, disse o secretário estadual do Turismo, Fausto Franco.

De acordo com João Carlos de Oliveira, diretor geral do Ipac, a ideia é trabalhar na elaboração de um modelo de gestão para o equipamento, em parceria com a prefeitura de Cairu, que mantém no local o serviço de atendimento ao turista. “Vamos apresentar uma proposta que contempla, além da visitação turística, que o forte abrigue restaurante, cafeteria e eventos culturais do Governo do Estado, bem como do município”, afirmou.

A Fortaleza – A Fortaleza de Morro de São Paulo, datada do século XVII, foi construída para evitar aproximação de embarcações inimigas durante o período do Brasil Colônia. Em janeiro de 2018, o patrimônio foi reaberto para visitação após requalificação onde que foram investidos R$ 14,4 milhões com o objetivo de impulsionar o destino turístico da região.

A intervenção foi realizada sob a responsabilidade do Instituto de Desenvolvimento Sustentável do Baixo Sul (Ides), com o apoio do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Governo do Estado da Bahia, além do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e de empresários locais.

Continue Lendo

Viagem

Cairu promove sustentabilidade e participa do Dia Mundial da Limpeza

Publicado

em

Reduzir, reutilizar e reciclar – os 3R da sustentabilidade – estão cada vez mais presentes no dia a dia de Cairu. Com atividades de reciclagem nas escolas, projetos de arte que abordam o tema e iniciativas para aproveitamento de recursos como energia solar e água da chuva, o município-arquipélago promove ainda o Dia Mundial da Limpeza no próximo dia 21.

A campanha irá envolver a comunidade em mutirões de limpeza durante três dias, com concentrações em cinco diferentes locais: Moreré, Morro de São Paulo, São Sebastião, Gamboa e na Sede do Município. 

Já o projeto “Da minha escola cuido eu” envolve professores, pais, estudantes e a comunidade na separação do lixo e transformação de vidros, pneus, plásticos e embalagens em jogos educativos, brinquedos pedagógicos, mobiliários, objetos de decoração e hortas e canteiros.

“As escolas e creches de Cairu são rodeadas de uma natureza exuberante. Este projeto promove a consciência sustentável e o sentimento de pertencimento ao local, além de demonstrar que é possível separar e reaproveitar materiais, poupar os manguezais e as praias”, destaca a secretária de Educação, Luana Figueiredo. 

A estrutura das salas de aula também passa por mudanças. Telhas comuns estão sendo substituídas por telhas translúcidas, contribuindo na economia de energia. De forma paralela, o programa Cidade Empreendedora, parceria entre Prefeitura de Cairu e o Sebrae, está desenvolvendo um estudo captação de energia solar nas escolas. Um estudo para captação de água da chuva também já foi iniciado.

Arte e sustentabilidade

Em Morro de São Paulo, a artista plástica Darcy Rolim contribui com a construção desta consciência através da arte. Uma de suas peças mais conhecidas é a escultura de Iemanjá instalada em Morro de São Paulo. A obra é construída com lixo coletado na região e traz um pedido da Rainha do Mar aos moradores e turistas para diminuição da poluição.

Latas, embalagens, papelão, espelhos, garrafas de vidro, CDs e outros materiais se transformam em luminárias e, através do projeto Lixúria Tur, figurinos suntuosos e com muito brilho para o Carnaval. “Este trabalho só funciona com a participação do público em todas as etapas do processo. O lixo é um grande problema, mas também pode ser a solução, gerando até mesmo uma fonte de renda”, comenta Darcy.

Continue Lendo

Viagem

Bariloche apresenta grande temporada e crescimento de brasileiros em 2019

Publicado

em

A temporada de inverno em Bariloche foi um dos melhores dos últimos anos e o verão foi apresentado com grande otimismo para a indústria nesta temporada. O inverno foi novamente dos “brasiloches”, uma referência aos brasileiros que visitaram a região e desfrutam de atividades, chocolate, cerveja artesanal e muita neve.

Os números de julho indicam que foi o quarto ano consecutivo de crescimento sustentado para a indústria do turismo. A ocupação hoteleira de Bariloche teve uma média de 83% com picos de 95% em mais de 30.000 lugares qualificados. Este ano, a cidade alcançou 1.130.000 de estadias de noite em julho, comparado aos dados em 2018 que somam 971,583. Já no mesmo período tivemos cerca de 213.500 mil turistas, 20% a mais comparado aos 177.772 mil que visitaram a cidade em 2018.

Este ano, em julho, em termos de voos, houve um aumento no movimento dos passageiros de 56% com o número recorde e histórico em um dia chegando a alcançar 41 voos. Já o número de turistas do Brasil em relação ao ano de 2018 teve um aumento de 42%, atingindo cerca de 60.000 passageiros.

O Secretário de Turismo da cidade de Bariloche Gastón Burlon, afirmou que a temporada foi bem-sucedida em vários aspectos. “O número de chegadas, o registro de voo e o número de cidades que os voos foram conectados foi muito positivo. Este ano tivemos mais cidades na Argentina e no Brasil com voos diretos para Bariloche”, afirma Gastón.

Temporada de Verão

A expectativa é que a temporada de verão também seja bem-sucedida. A desvalorização da moeda Argentina e as condições econômicas no Brasil posicionam Bariloche como uma das grandes opções para o verão e o outono.

Os passageiros no Brasil poderão agendar suas viagens para desfrutar dos produtos e eventos que a cidade prepara para os próximos meses. “Natal em Bariloche, verão e aventura e chocolate na Páscoa são os principais produtos que queremos mostrar ao mercado brasileiro na ABAV e com outras ações especiais que estamos programando, em parceria com companhias aéreas, operadoras e com todos os comércios”, explica o Diretor Executivo da EMPROTUR – Bariloche, Diego Piquín.

O verão em Bariloche é sinônimo de muita diversão em ambientes naturais, excelente gastronomia, e até mesmo praias em rios e lagos transparentes com boas temperaturas. Piquin explica que “Nós também estamos antecipando informações sobre a Páscoa, Festival de chocolate, para permitir que os atacadistas para preparar a sua oferta no tempo e tirar proveito de todas as vantagens que hoje a economia Argentina oferece aos turistas internacionais”.

Continue Lendo

Mais lidas