Connect with us

Olá, o que você está procurando?

Negócios

BLTA lança uma nova marca de hospitalidade brasileira, a Xodó

Roberto Klabin e Simone Scorsato - Foto | Paulo Freitas
Roberto Klabin e Simone Scorsato - Foto | Paulo Freitas

Nasce uma nova marca da hospitalidade brasileira. Em 13 de março, a Brazilian Luxury Travel Association irá apresentar a Xodó by BLTA para ampliar a promoção do Brasil como referência de excelência brasileira na arte de receber.

Em relação ao desejo de se conceber essa nova marca, o presidente da associação, Roberto Klabin, contextualiza: “A Xodó é uma evolução natural da nossa entidade, pois a BLTA é uma marca já consolidada e muito utilizada no exterior para promover o Brasil. A criação da Xodó surgiu exatamente para a gente explicar melhor o que somos. Lá fora o trade e as pessoas nos conhecem, mas aqui há uma certa dificuldade de nos entender como marca. Então, a Xodó traz o Brasil para dentro da BLTA e a BLTA para dentro do país de uma forma mais simples de explicar e de um jeito muito gostoso”, afirma.

Segundo Klabin, a intenção da marca é transmitir um maior senso de brasilidade com um nome que possa ser usado no mercado nacional e que as pessoas possam entender e divulgar. “A Xodó irá nos aproximar dos agentes de viagem, do público em geral que se hospeda nos nossos hotéis e pousadas e dos DMC’s. Aos poucos, também, iremos introduzir a Xodó no mercado internacional”, complementa.

Por sua vez, a CEO da associação, Simone Scorsato, explica: “A criação da Xodó representa a premissa de compreender a constante transformação e evolução do mercado de turismo diante de um momento de maior consciência e necessidade de regeneração do conceito de luxo e de um Brasil plural. A autenticidade e a excelência brasileiras sempre foram nossa aura e levamos isso ao mercado internacional com responsabilidade e propriedade, enaltecendo o valor da nossa hospitalidade. Dessa forma, essa nova marca vem fortalecer todos os princípios e valores da BLTA”, diz.

Ainda de acordo com ela, a Xodó nasce de um movimento afetivo com o Brasil, quando o pós-pandemia mostrou o país para os próprios brasileiros. “Foi assim que identificamos a necessidade de nos aproximarmos cada vez mais dos nossos viajantes, inserindo nossa marca neste país tão alegre e rico em diversidade cultural. Xodó vem para continuarmos a descoberta e valorizarmos as nossas particularidades. Por meio de nossos associados vamos apresentar o Brasil como um exemplo de engajamento de todo o setor e também como uma nova forma de sentir e experienciar nosso país. A intenção é justamente esta, a de promover o que há de mais brasileiro e genuíno. Queremos conectar tudo que há de melhor nesse país tão diverso e rico de forma bastante acessível, prática e inspiradora”.

A Xodó também deve agregar novos associados ao portfólio da BLTA, segundo Simone. “Já temos uma lista de candidatos que se inscreveram no nosso processo de afiliação, que começou no final de janeiro e termina agora em março. Com a Xodó poderemos, inclusive, trazer mais interesse para a associação, porque acredito que a marca trabalha muito a excelência da hospitalidade e representa algo mais próximo do produto turístico brasileiro”, diz. “Acreditamos que os Xodós da BLTA irão fortalecer a marca da associação em território nacional e conquistar o coração do viajante brasileiro”, pondera.

Brasil, o xodó do mundo

De origem africana, a palavra Xodó foi abraçada pelo Brasil como um símbolo de calor humano e receptividade. Alinhada ao significado originário, representa uma conexão profunda do brasileiro com instituições de referência em acolhimento, serviço, atendimento, sustentabilidade e diversidade de experiências. Em sua essência reside um compromisso profundo com a excelência e com o espírito de um Brasil comprometido com a diversidade e a autenticidade, que fazem do país um lugar incomparável quando se fala em receber. Apoiada em pilares como natureza, cultura, diversidade, gastronomia e afeto – energia básica que move as pessoas – a proposta é oferecer da forma mais carinhosa o que se pode ter no turismo brasileiro.

E o que é a Xodó para a BLTA? “É algo ou alguém que a gente sente carinho, afeição, tem vontade de cuidar e apreciar. É aquilo que devemos guardar nas nossas memórias, porque é precioso e inesquecível. É uma palavra que não tem sinônimo, mas é como algo incomparável. É um sentimento, uma expressão e uma sensação genuinamente brasileiros. É hospitalidade, borogodó, aconchego e calor humano que só o Brasil sabe oferecer”, finaliza Simone.

Leia mais

Cinema

Longa é uma obra-prima e ainda tem a presença marcante do baiano Wagner Moura

Gente

A renomada cientista baiana Dra. Jaqueline Goes, reconhecida por coordenar a equipe que sequenciou o genoma da COVID em tempo recorde, participou hoje, 15,...

Gastronomia

Novidades são versões inéditas do sabor do momento e ficarão por tempo limitado no cardápio

Perfil

Conheça a trajetória dessa baiana de sucesso

Gastronomia

Granja União Merlot Rosé ganha rótulo especial para brindar a nova estação

Gente

Em clima de festa, o engenheiro agrônomo e paisagista Alex Sá Gomes celebrará seu 61º aniversário em grande estilo, reunindo seus amigos e familiares em São Paulo. Com a...

Música

A cidade de Salvador se prepara para receber a estreia da edição baiana da turnê “Jorge & Mateus Único”. O evento está agendado para...

Gente

Parada obrigatória no roteiro gastronômico de Salvador, o Cafélier completou 30 anos de atividade neste domingo (14). O empresário Paulo Vaz recebeu amigos e...