Conecte com a gente

Cinema

Crítica: “Yesterday”

Publicado

em

Imagine sofrer um acidente e acordar em um mundo onde seus ídolos não existem. Ainda mais se esses ídolos mudaram a história da música e viraram referência para centenas de bandas que vieram depois. É esse o mundo imaginado por “Yesterday”, que chega nesta quinta-feira aos cinemas.

Jack Malik (Patel) interpreta um esforçado – e nada popular – compositor em busca de sucesso, com a ajuda da “empresária” Ellie (Lily James). Durante um apagão mundial, Jack é atropelado por um ônibus. Ele então acorda em um mundo onde os Beatles nunca existiram. Se aproveitando disso, pega as letras de Lennon, McCartney e George Harrison e diz que foi ele mesmo quem compôs, alcançando, obviamente, sucesso internacional.

Com roteiro escrito pelo excelente Richard Curtis (dos deliciosos “Um Lugar Chamado Nothing Hill” e “Questão de Tempo”), “Yesterday” tem todos os ingredientes que fazem parte dos – bons – filmes feitos pelo britânico: coadjuvantes engraçados e a ironia típica do país da rainha Elizabeth (e não faltam piadas sobre Coldplay, Coca-Cola, Harry Potter e mais…).

O protagonista Himesh Patel, praticamente um novato do cinema, se sai bem como Malik. Sempre simpático, é impossível não ter empatia pelo personagem. Lily James (sempre uma gracinha), também dá doçura à empresária Ellie. Porém, os dois juntos não têm a química esperada, o que prejudica um pouco o filme. Ainda tem a participação especial de Ed Sheeran, que não surpreende como ator, mas tem diálogos divertidos escritos por Curtis.

O excelente diretor Danny Boyle (“Quem quer ser um milionário” e “Steve Jobs”) consegue dar agilidade ao filme, com belos enquadramentos e uma direção de fotografia que deixa o filme iluminado e alegre.

Como não poderia deixar de destacar, há ainda as músicas dos Beatles. Qualquer coisa que tenha essa trilha já começa se destacando. Para quem não conhece muitos dos garotos de Liverpool, não precisa se preocupar porque tem as mais famosas – e não se preocupem os que não gostam de musicais, o filme não é musical no sentido de que os personagens vão falar cantando (sim, há quem não goste).

“Yesterday” é daqueles filmes que nos faz sair sorrindo do cinema. E isso não é pouco.

8 /10
Avaliação
Leitores (0 votos) 0
O que as pessoas dizem sobre o filme... Deixe sua avaliação
Sort by:

Be the first to leave a review.

User Avatar
Verified
{{{ review.rating_title }}}
{{{review.rating_comment | nl2br}}}

Show more
{{ pageNumber+1 }}
Deixe sua avaliação

Your browser does not support images upload. Please choose a modern one

Jornalista que escreve sobre cultura, cinema, viagem e tecnologia no Bahia Social Vip. Contato: brunoporciuncula@gmail.com

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cinema

“Magnatas do Crime” ganha novo trailer violento

Publicado

em

Depois de “Aladdin”, o cineasta inglês Guy Ritchie (de “Snatch: Porcos e Diamantes” e“Jogos, Trapaças e Dois Canos Fumegantes”) retoma o gênero que o consagrou com “Magnatas do Crime” (The Gentlemen), seu mais novo filme que reúne Matthew McConaughey, Charlie Hunnam, Michelle Dockery, Colin Farrell, Hugh Grant, entre outros grandes nomes do cinema mundial. Com distribuição Paris Filmes e estreia nacional remarcada para 23 de abril.

Ambientado em Londres, “Magnatas do Crime” reforça o retorno de Ritchie às raízes criminosas. No segundo trailer da trama, a perseguição bélica dá o tom da produção, que reúne diferentes facções. O trailer ainda revela táticas de sobrevivência dos grupos.

Matthew McConaughey dá vida a Mickey Pearson, um expatriado americano que abre na cidade inglesa uma operação bem-sucedida de venda de maconha, carinhosamente chamada de “Maria Joana”. Quando se espalha a notícia de que ele está tentando lucrar com os negócios para sempre, isso desencadeia conspirações, esquemas, suborno e chantagem na tentativa de roubar seu império. Isso significa encontros hostis com o gângster (Henry Golding), troca de tiros e a narração expositiva de um sombrio Hugh Grant.

Continue Lendo

Cinema

Tom Cruise vive momentos de tensão em novo vídeo de “Top Gun: Maverick”

Publicado

em

Novas cenas de ‘Top Gun: Maverick’ foram lançadas nesta semana, durante o intervalo do Super Bowl, o evento de maior audiência da TV americana, e o vídeo deixou os fãs ainda mais curiosos para saber o rumo de Maverick. No material, Tom Cruise aparece em momentos de muita adrenalina e tensão dentro do cockpit.

Depois de mais de 30 anos servindo a marinha como um dos maiores pilotos de caça, Pete “Maverick” Mitchell (Tom Cruise) continua na ativa, se recusando a subir de patente e deixar de fazer o que mais gosta, que é voar. Enquanto ele treina um grupo de pilotos em formação para uma missão especial que nenhum “Top Gun” em vida jamais participou, ele encontra Bradley Bradshaw (Miles Teller), que tem o apelido de “Rooster”, o filho do falecido amigo de Maverick, o oficial Nick Bradshaw (Anthony Edwards), conhecido como “Goose”.

Enfrentando um futuro incerto e lidando com fantasmas de seu passado, Maverick confronta seus medos mais profundos em uma missão que exige sacrifícios extremos daqueles que serão escolhidos para executá-la.

Continue Lendo

Cinema

“Espiral – O Legado de Jogos Mortais” ganha trailer

Publicado

em

Nesta quarta-feira, 5 de fevereiro, a Lionsgate promoveu o lançamento mundial do primeiro teaser de “Espiral – O Legado de Jogos Mortais” (Spiral: From the Book of Saw), com estreia nos cinemas brasileiros prevista para o primeiro semestre de 2020 e distribuição Paris Filmes. Para conferir o vídeo com legendas em português, acesse: https://youtu.be/bCovmpxVpuA.

Criada em 2004, a franquia ganha reboot e volta às telonas após hiato de 2 anos, quando aconteceu o último lançamento: “Jogos Mortais: Jigsaw”. Dirigido por Darren Lynn Bousman, que já esteve à frente de “Jogos Mortais 2, 3 e 4”, “Espiral – O Legado de Jogos Mortais” apresenta em sua trama um novo e sádico mentor que desencadeia uma forma distorcida de justiça.

Com roteiro de Josh Stolberg e Pete Goldfinger, um novo e aterrorizante capítulo do universo dos Jogos Mortais reunirá um elenco de peso, que inclui Samuel L. Jackson como um respeitado veterano da polícia, Chris Rock como o impetuoso detetive Ezekiel “Zeke” Banks e Max Minghella, intérprete de um novato na polícia. Além de atuar, Chris Rock também assina a produção executiva do longa.

Iniciado com uma tomada panorâmica da cidade, ao som de “A Lot” do rapper 21 Savage,  o trailer recém-revelado expõe a parceria de Banks e sua dupla durante uma ronda, quando são acionados para atender uma ocorrência. Durante a investigação, é sinalizada uma perseguição a policiais e a icônica marca em espiral se destaca nas cenas do crime. Na pele do veterano da polícia, Samuel L. Jackson encerra o teaser incitando os jogos. “Você quer jogar, desgraçado?”. E uma sequência de armadilhas com instrumentos de tortura finalizam o teaser.

Continue Lendo

Mais lidas