Conecte com a gente

Saúde

Médicas dão dicas de como envelhecer com saúde

Publicado

em

Com o aumento da expectativa e da qualidade de vida, envelhecer trouxe novos significados para a nossa rotina. De acordo com o IBGE, um em cada quatro brasileiros será idoso em 2060.

Por isso, algumas práticas podem ser adotadas para envelhecer bem e com saúde, o que, de acordo com a médica integrativa do Instituto Chronos, Juliana Hardman, “não implica apenas em não ter doenças, e sim em manter o equilíbrio físico, psicológico e social a partir de alguns cuidados específicos, tanto para os homens quanto para as mulheres”.

Em geral, os primeiros sinais de envelhecimento celular se manifestam na pele. “É o órgão que mais reflete os efeitos da passagem do tempo”, explica a dermatologista Mirella Pelissari, também do Instituto Chronos.

A saúde e a aparência da pele, assim como os outros órgãos, estão diretamente relacionadas aos hábitos alimentares e ao estilo de vida. Fatores como, radiação ultravioleta, excesso de consumo de álcool, abuso de tabaco e a poluição ambiental, entre outros, aceleram o trabalho do relógio biológico provocando o envelhecimento precoce.

Para retardar o envelhecimento celular, proporcionar um envelhecimento saudável e manter a autoestima e o bem-estar, algumas práticas e tratamentos da medicina integrativa podem ser aliados, visando o cuidado interno e externo.

“É importante lembrar que o envelhecimento afeta nossa biologia interna antes que apareça do lado de fora”, comenta Juliana. “Por isso, ter hábitos de vida saudáveis é a melhor maneira para retardar o envelhecimento. Além disso, uso de suplementos como vitamina D, resveratrol, chá verde, entre outros, podem atuar nas nas telomerases de forma positiva”.

As médicas separaram algumas dicas e práticas que podem auxiliar um envelhecimento saudável do corpo:

Tratamentos estéticos

O passo mais importante para cuidar da pele é manter a hidratação diariamente. No Instituto Chronos, são realizados diversos procedimentos estéticos, como toxina botulínica “Botox”, prenchedores com ácido hialurônico injetáveis, bioestimuladores de colágeno, além de tratamentos à base de ácidos clareadores e renovadores, como o ácido retinóico, conhecido por clarear manchas, suavizar rugas e imperfeições e estimular a produção de colágeno, retardando o envelhecimento da pele.

Através da plataforma de laser, é possível ainda realizar estímulo de colágeno, peeling, tratamento de cicatriz, manchas, estrias, flacidez da face e papada e rugas finas. Outra opção do uso de ácido hialurônico em um procedimento que promove uma melhora da qualidade da pele através de uma hidratação profunda, chamado de Skinbooster.

Alimentação

Juliana Hardman explica que, para evitar o envelhecimento precoce, a alimentação deve ser a sua maior aliada. “Optar por alimentos antioxidantes, gorduras saudáveis, minerais, vitaminas e fitonutrientes é fundamental”.

Entre os alimentos antioxidantes, a médica integrativa destaca fígado de boi, couve, brócolis, couve de bruxelas, alho, maçã, chocolate amargo, batata-doce, além de alimentos ricos em vitamina C e E. Peixes gordos ricos em ômega-3 e vitamina D. “De qualquer forma, é preciso focar de forma individual nas principais carências nutricionais para repor o que é necessário por alimentação de preferência e, se não for suficiente, através de suplementação indicada”.

Exercícios físicos

Para ajudar no processo de envelhecimento, alguns exercícios regulares que desenvolvem força, estimulam o equilíbrio e contribuem para a flexibilidade do corpo são os mais indicados.

“Com o envelhecimento precisamos nos atentar ao risco de sarcopenia, que é a perda progressiva de massa muscular progressiva”, explica Juliana. Caminhadas acompanhadas de alongamentos, natação e hidroginástica, musculação, yoga e pilates são bastante recomendados, basta escolher uma que melhor se adapte à rotina e à necessidade de cada indivíduo.

Dormir bem

Ter uma boa noite de sono é fundamental para evitar o envelhecimento precoce e garantir uma vida com mais bem-estar e saúde, em qualquer idade.

Manter a qualidade do sono ajuda a prevenir doenças do coração, combate a obesidade, reduz as chances de desenvolver depressão, deixa a memória mais aguçada e ainda reduz os níveis de estresse, melhorando o humor.

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Especialista esclarece mitos sobre dor muscular após o treino

Publicado

em

Muita gente já deu largada em seu projeto verão, mesmo aqueles retardatários. A poucos dias da maior festa de rua do planeta, algumas pessoas ganham uma dose extra de animação e chegam à academia com a promessa de não desistir. Para alguns, a ideia é ir além da estação e treinar com força total! Mas com tanta energia acumulada e com o curto tempo para um resultado desejado, ao terminar os treinos, algumas pessoas sentem aquelas dores e aí é hora de entender como identificar o que pode ser comum daquilo que pode causar lesão.

Existem diversas adaptações no corpo e no pós treino, algumas podem passar despercebidas por ocorrerem de forma muito discreta. “Quando um pessoa faz um exercício novo ou mais intenso, há sempre uma sensação de dor na região no dia seguinte. Isso ocorre porque durante a sobrecarga ocorrem microlesões nas fibras musculares e, com isso, inicia-se um processo inflamatório no local – que faz parte de um processo de adaptação do sistema neuromuscular”, explica Guilherme Reis, Coordenador Geral da Rede Alpha Fitness.

Sempre que se utiliza uma carga acima da que está acostumado ou um estímulo diferente (uma série nova, por exemplo), microlesões são geradas. Por isso é importante entender que esses pequenos danos são algo esperado e importante para a evolução do treino, pois ao recuperar os músculos, o organismo constrói fibras mais fortes e resistentes, e é assim que a musculatura aumenta e o condicionamento evolui.

Mas a percepção dessa dor depende da resistência individual. “Essas dores podem começar de quatro a seis horas após o treino e vão aumentando até atingir um pico, que se dá cerca de 24 horas após a malhação. Depois disso, começa o alívio”, comenta o especialista. Se não doer, não significa que o treino não foi eficaz. A presença ou ausência de dor pode indicar que aquele grupamento muscular está acostumado à intensidade e ao tipo de exercício. No entanto, os benefícios de fortalecimento e ganhos neuromusculares não se relacionam com a dor muscular nem com a hipertrofia.

Treinar muito dolorido pode deixar a pessoa exposta a uma lesão mais grave. O melhor é ir com calma, sem forçar a barra. Exagerar pode fazer com que uma microlesão natural se torne algo grave e afaste a pessoa da malhação por mais tempo do que só um dia. “É preciso ter bom senso, ouvir seu corpo e reconhecer se a dor é forte demais. Um alerta de que algo está fora do comum é se ela persistir mais de dois dias. Nesses casos é importante ir ao médico avaliar o que houve”, finaliza Guilherme.

Continue Lendo

Saúde

IVI Salvador promove a primeira edição do IVI Bem-Estar de 2020

Publicado

em

O IVI Bem-Estar, projeto gratuito oferecido pela IVI Salvador, clínica de Reprodução Assistida, retorna em 2020 e acaba de anunciar sua próxima data. Será no dia 13 de fevereiro, a partir das 17 horas, no Ed. Bahia Executive Center, no Caminho das Árvores. Com o tema “Como as terapias integradas podem harmonizar sua vida”, o encontro vai reunir mulheres e casais que estão em busca da tão sonhada gravidez.

“A união de terapias melhora a concentração, o relaxamento durante o sono, aumenta a autoestima, traz tranquilidade à gestante e serenidade às tentantes que passam pelo processo de reprodução assistida. Terapias integradas visam melhorar a qualidade de vida das mulheres que buscam realizar o sonho de ser mãe, equilibrando o físico, o emocional e o energético da pessoa, e auxiliando de forma efetiva os tratamentos realizados pela medicina convencional”, explica Erika Lins, Psicoterapeuta Integrativa, palestrante e escritora. Ela vai conduzir os trabalhos nesse dia, ao lado da Diretora Médica do IVI Salvador, Dra. Genevieve Coelho.

Vale lembrar que o encontro é aberto ao público em geral, tem entrada gratuita, mas com vagas limitadas e necessidade de inscrição prévia, que pode ser realizada no link abaixo. O IVI Bem-Estar surgiu em julho de 2019, tendo como objetivo central humanizar o contexto em que vivem as mulheres que tentam ser mães. No ano passado foram realizadas cinco edições, com temas que tratam sobre as dificuldades enfrentadas na jornada pela gravidez e os mitos em relação ao tratamento de Fertilização In Vitro.

Continue Lendo

Saúde

Singular Pharma recebe lançamento da Supercoffee

Publicado

em

Na próxima segunda-feira, 10, Edza Brasil e o time da Singular Pharma recebem evento para apresentar o novo produto Supercoffee na loja do Salvador Shopping. Quem passar por lá vai poder conferir uma versão reformulada da bebida termogênica e energética que já fez o maior sucesso nas redes sociais da blogueira de moda Camila Coutinho, do atleta e campeão nacional de crossfit Gui Malheiros e da ex-BBB Carol Peixinho.

A bebida ganha agora fórmula enriquecida para aqueles que buscam mais qualidade de vida e bem-estar. Reunindo ingredientes como café, gengibre, chá verde, pimenta, canela, além de compostos como carnitina, colina e vitaminas do complexo B, o novo produto é um aliado do processo de queima de gordura, melhora da performance e aumento da disposição.

O evento é aberto ao público e na ocasião haverá, além da degustação da nova bebida da Supercoffee, distribuição de brindes da Singular Pharma. A loja fica localizada no segundo piso do centro de compras.

Continue Lendo

Mais lidas